ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL PROFESSORA HELCY MOREIRA MARTINS AGUIAR – CAFELÂNDIA
CONCURSO PÚBLICO DE PROFESSOR DE ENSINO MÉDIO E TÉCNICO – EDITAL Nº 062/01/2017 – PROCESSO Nº 0006867/2017 – CÓDIGO DO PORTAL Nº 7623
AUTORIZAÇÃO GOVERNAMENTAL CONSTANTE DO PROCESSO CEETEPS Nº 7.184-15 (SG-178.338-16), PUBLICADA NO DOE DE 18/01/2017, SEÇÃO I, PÁGINA 41
EDITAL DE DEFERIMENTO E INDEFERIMENTO DE INSCRIÇÕES E CONVOCAÇÃO PARA A PROVA ESCRITA.
A Comissão Especial de Concurso Público da ETEC ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL PROFESSORA HELCY MOREIRA MARTINS AGUIAR, comunica aos candidatos abaixo relacionados o deferimento e indeferimento das inscrições e convoca para a Prova Escrita, a ser realizada na ETEC ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL PROFESSORA HELCY MOREIRA MARTINS AGUIAR, sita na PRAÇA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS, 70 – CENTRO – CAFELÂNDIA. Os candidatos convocados atenderão ao disposto no item 9 do Capítulo X do Edital de Abertura de Inscrições.
– COMPONENTE CURRICULAR: História (Base Nacional Comum/ ETIM)
INSCRIÇÃO(ÕES) DEFERIDA(S):
Nº de Inscrição/Nome ou Nome Social/ D.I. – Tipo/ CPF:
01/ Valmir do Nascimento / 4.685.065-3 / 723.639.169-72;
02/ Daniel Sotareli Macedo / 43.537.580-5 / 434.451.488-21;
03/ Valéria Aparecida de Oliveira Ramacini / 17.807.432-9 / 100.206.428-73;
04/ Josiane Oliveira Franco / 42.255.525-3 / 356.543.828-29;
05/ Tatiana Firmino Nunes / 47.127.771-X / 390.877.068-80;
06/ Eduardo Rodrigues Oliveira / 48.600.612-8 / 410.258.018-22;
07/ Fabricio da Cruz Sanchez / 21.934.696-3 / 134.008.618-20;
08/ Camila Zacari Grejo / 32.389.063-5 / 322.908.528-05;
09/ Alberto Batista Soares Filho / 34.685.205-5 / 324.864.898-86;
10/ Emmanuel José Scalada / 44.915.124-4 / 365.020.538-66;
11/ Gislene Aparecida Rodrigues Muta / 20.747.679-2 / 161.759.158-01;
12/ Lauriberto de Jesus Bertoni Junior / 25.561.470-6 / 252.339.758-74;
13/ Amanda Giocon Parra / 40.359.625-7 / 350.401.238-25;
14/ Lucas Bem Batista de Oliveira / 44.017.377-2 / 323.673.748-48;
15/ Fábio Perucci / 42.634.637-3 / 309.737.578-33.
DATA: 16/01/2018.
HORÁRIO: 14H00
DURAÇÃO: 3H00
PROGRAMA DA PROVA (seguindo o Anexo VII do Edital de Abertura de Inscrições):
Introdução ao estudo da história temática:
• tempo, memória, documento e monumento;
• realidade, leituras da realidade e ideologia.
A importância do trabalho na construção da cultura e da história:
• os diversos significados do trabalho;
• o trabalho na sociedade tecnológica, de consumo e de massa;
• trabalho, emprego e desemprego na sociedade atual;
• o trabalho como produtor de cultura e a cultura do trabalho.
As transformações pelas quais passou o trabalho compulsório da Antiguidade à Contemporaneidade:
• modalidades de trabalho compulsório: escravidão, escravismo, servidão;
• resistência dos trabalhadores à exploração e à opressão;
• permanência e influência de elementos culturais originários da Antiguidade Clássica e da Idade Média até os dias de hoje.
As transformações pelas quais passou o trabalho livre, da Antiguidade à 1ª Revolução Industrial:
• modalidades de trabalho livre;
• trabalho livre nas sociedades comunais;
• artesanato doméstico e corporativo na Idade Média.
As transformações pelas quais passou o trabalho livre, da Antiguidade à 1ª Revolução Industrial:
• manufatura e assalariamento na Modernidade;
• Revolução Industrial: sistema fabril e classe operária;
• tempo da natureza e tempo do relógio: mecanização e fragmentação do tempo, do trabalho e do homem;
• trabalho livre no Brasil durante a Colônia e o Império;
• permanência e influência de elementos culturais originários de comunidade indígenas, africanas, europeias e asiáticas protagonistas da História do Brasil nesse período.
As origens da sociedade – tecnologia atual:
• o liberalismo;
• a 2ª e a 3ª Revoluções Industriais;
• o Fordismo e o Taylorismo;
• movimentos operários e camponeses (fundamentação teórica, organização e luta).
O Brasil na Era das Máquinas – final do Século XIX a 1930:
• abolição da escravidão e imigração;
• formação da classe operária: condições, organização e luta;
• propriedade da terra, poder, transformações nas relações de trabalho no campo;
• lutas camponesas e experiências coletivas de apropriação e exploração da terra.
Características da sociedade global:
• novas tecnologias de informação, comunicação e transporte;
• economia globalizada, cultura mundializada e novas formas de dominação imperialista;
• hábitos, estilos de vida, mentalidades: mudanças, rupturas e permanências;
• o trabalho na cidade e no campo: mudanças, rupturas e permanências;
• contrastes econômicos e sociais;
• tendências, organizações e conflitos políticos nos tempos da globalização.
Introdução ao estudo da história temática
• Tempo, memória, documento e monumento.
• Realidade, leituras da realidade e ideologia.
A importância do trabalho na construção da cultura e da história
• Os diversos significados do trabalho.
• O trabalho na sociedade tecnológica, de consumo e de massa.
• Trabalho, emprego e desemprego na sociedade atual.
• O trabalho como produtor de cultura e a cultura do trabalho.
As transformações pelas quais passou o trabalho compulsório da antiguidade à contemporaneidade
• Modalidades de trabalho compulsório: escravidão, escravismo, servidão.
• Resistência dos trabalhadores à exploração e opressão.
• Permanência e influência de elementos culturais originários da antiguidade clássica e da idade média até os dias de hoje.
As transformações pelas quais passou o trabalho livre, da antiguidade à 1ª Revolução Industrial
• Modalidades de trabalho livre.
• Trabalho livre nas sociedades comunais.
• Artesanato doméstico e corporativo na Idade Média.
• Manufatura e assalariamento na Modernidade.
• Revolução Industrial: sistema fabril e classe operária.
• Tempo da natureza e tempo do relógio: mecanização e fragmentação do tempo, do trabalho e do homem.
• Trabalho livre no Brasil durante a Colônia e o Império.
• Permanência e influência de elementos culturais originários de comunidades indígenas, africanas, europeias e asiáticas protagonistas da história do Brasil nesse período.
Características da sociedade global
• Novas tecnologias de informação, comunicação e transporte.
• Economia globalizada, cultura mundializada e novas formas de dominação imperialista. Hábitos, estilos de vida, mentalidades: mudanças, rupturas e permanências.
• O trabalho na cidade e no campo: mudanças, rupturas e permanências.
• Contrastes econômicos e sociais.
As origens da sociedade tecnológica atual
• O liberalismo. A 2ª e a 3ª Revoluções Industriais. O fordismo e o taylorismo.
• Movimentos operários e camponeses (fundamentação teórica, organização e luta).
O Brasil na era das máquinas: final do século XIX a 1930
• Abolição da escravidão e imigração.
• Formação da classe operária: condições, organização e luta.
• Propriedade da terra, poder, transformações nas relações de trabalho no campo.
• Lutas camponesas e experiências coletivas de apropriação e exploração da terra.
Ditaduras: Vargas e Militar
• Características comuns e peculiaridades dos dois períodos.
• Os contextos nacional e internacional em cada um dos períodos.
• Industrialização, trabalho. Atuação política: repressão e resistência.
Os períodos democráticos
• Características comuns e peculiaridades.
• Constituições, partidos políticos, características dos processos eleitorais e do exercício dos três poderes.
• Modelos econômicos, questões sociais, participação política e luta pela cidadania.
A cidadania: diferenças, desigualdades, inclusão e exclusão
• Cidadania hoje e as transformações históricas do conceito.
• Origem, transformação e características do Estado hoje.
• Lutas pela cidadania: perspectiva nacional e internacional.
Movimentos nacionalistas e internacionalistas
• Liberalismo e nacionalismo.
• Fascismo e nazismo.
• Anarquismo, socialismo e comunismo.
• As Guerras Mundiais.
• A Guerra Fria.
• As lutas contra o colonialismo e o imperialismo na África e Ásia e a constituição de novas nações.
• Nacional e/ ou étnico versus estrangeiro e/ ou globalizado.
A cidadania no Brasil de hoje
• As lutas contra as ditaduras contemporâneas.
• Perspectivas de luta e de conquistas futuras.