O coordenador pedagógico é co-responsável pelos resultados das aprendizagens dos alunos. Portanto, tem como desafio a implementação de ações com intencionalidade formativa voltadas para a qualificação constante e permanente dos professores, o que implica na legitimação do coordenador como formador.

Conseqüentemente é sua responsabilidade a viabilização de mudanças na sala de aula e na dinâmica da escola, o que conduz a um impacto bem mais produtivo e significativo do processo educativo.

  • Promove a formação dos professores.
  • Observa as aulas, para auxiliar os professores no desenvolvimento de suas atividades e, se necessário, para aplicar uma didática mais eficiente,
  • Supervisiona a escola como um todo.
  • Participa da reunião de pais, juntamente com os professores.
  • Colabora no PPP.(Projeto Político Pedagógico)
  • Acompanha a implantação do Projeto Político Pedagógico no dia a dia da escola, verificando se as atividades estão sendo realizadas no sentido de cumprir os objetivos pedagógicos estabelecidos.
  • Acompanha e analisa o desempenho dos alunos, em parceria com os professores.
  • Realiza reuniões periódicas com o diretor da Unidade escolar para que seja discutido como está sendo realizado o processo de ensino e aprendizagem, e quais são as medidas que podem ser tomadas para a melhoria desse processo.
  • Trabalho conjunto objetivando a melhoria da qualidade de ensino na escola e sucesso em seus trabalhos.

Atribuições

As atribuições/atividades do Coordenador de área Responsável pelo núcleo de Gestão Pedagógica e Acadêmica, de acordo com a Deliberação CEETEPS nº 4, de 16 de maio de 2007, inclui as seguintes atividades vinculadas ao projeto político-pedagógico da unidade escolar:

planejar atividades educacionais;
coordenar com a Direção a (re) construção do projeto político pedagógico;
promover a formação contínua dos educadores;
assesssorar a Direção nas atividades administrativas e acadêmicas;
coordenar as atividades pedagógicas;
implementar a execução do projeto político-pedagógico;
avaliar o desenvolvimento do projeto político-pedagógico.
PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO-PPP

“É o planejamento geral que envolve o processo de reflexão, de decisões sobre a organização, o funcionamento e a proposta pedagógica da instituição. É um processo de organização e coordenação de ação dos professores. Ele articula a atividade escolar e o contexto social da escola. É o planejamento que define os fins do trabalho pedagógico”.

Habilidades do Coordenador Pedagógico

  • Saber ouvir;
  • Ser capaz de comunicar com clareza e respeito;
  • Saber se relacionar;
  • Através dessas habilidades é que ele será capaz de construir uma relação de confiança e respeito entre todos os membros do corpo escolar.

Transformação da Prática

É a habilidade do coordenador pedagógico despertar no professor a vontade de repensar o método que ele vem aplicando e refletir sobre se esta é a melhor maneira de fazer o aluno aprender.
Se ele perceber que existe uma maneira melhor de transmitir seus conhecimentos ele transformará sua prática de aula, o que muitas vezes se traduz em uma melhoria do processo de ensino e aprendizagem.
A necessidades de mudança da disciplina é importante em muitas situações, e como a reflexão sobre como melhorar a aula pode ser estimulada.

Plano de Trabalho Docente – PTD

O Plano de Trabalho Docente fundamenta-se no disposto no artigo 13, II e IV da LDB- Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional( Lei n.º 9394, de 20 de dezembro de 1996).

O PTD deve ser feito pelo professor, isto justifica a expressão Plano de Trabalho Docente.

O plano de Trabalho Docente é a expressão da Proposta Pedagógica Curricular, a qual por sua vez expressa o Projeto Político Pedagógico.

O plano é a representação escrita do planejamento do professor. Neste sentido, ele contempla o conteúdo selecionado para um dado período.

O PTD possibilita compreender a concepção de ensino-aprendizagem e de avaliação do professor. Orienta e direciona o trabalho do professor.

Requer conhecimento antecipado do PPP.

Pressupõe a reflexão sistemática de prática educativa.

Características de um bom professor

  • Formação
  • Tecnologia – incorporar novas tecnologia.
  • Didática
  • Equipe – trocar idéias com seus pares.
  • Planejamento e Avaliação

É fundamental que o professor planeje a aula e o conteúdo que ele transmitirá para os alunos o ano inteiro.

Além disso ele precisa encarar a avaliação como um método que lhe pode servir de diagnóstico sobre o que os alunos estão conseguindo aprender e , a partir desta constatação replanejar a aula a às vezes, inclusive, a forma como ele leciona.

Profissionalismo

Atitude e postura profissional.

É importante que o professor sempre procure se integrar com seus alunos, a partir do diálogo com eles. Por meio dessa conversa, ele passa a entender melhor o cotidiano dos alunos, e passa a desenvolver novas formas de solucionar problemas que muitas vezes parecem impossíveis.

Prof.ª Rosane
Coordenadora Pedagógica
coordenacaopedagogicaetec@gmail.com